sexta-feira, 27 de agosto de 2010

por entre a vidraça...



por entre a vidraça transparente

da paisagem,

de olhos nos olhos do infinito,

voa a distancia do alcance

no eco perdido do grito.

======

foto do autor

=====

13 comentários:

Sonhadora disse...

Querido Poeta

Olhos nos olhos...no chamamento da natureza, nosso sentir se solta.

Beijinhos
Sonhadora

Josélia Davide disse...

De novo visitando seu refugio e pensando como é possivel alguém ter tamanha sensibilidade como você.Muito lindo o que escreve.Parabenizo você.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

De olhos no infinito, vislumbro a mais perfeita Arte!
Um beijinho enorme!

"Não temos nada além do amor.
Não temos antes, princípio nem fim.
A alma grita e geme dentro de nós:
- Louco, é assim o amor.
Colhe-me, colhe-me, colhe-me!"

Rumi

Bom Dia!
Até já*
Da amiga Renata Maria

Chica disse...

Tua visão e sensibilidade poéticas são enormes.Lindo e quanto podemos ver pelas janelas!!!abraços,chica

Ana Martins disse...

Boa noite João,
pequeno mas muito profundo o seu poema, gostei!

Beijinhos,
Ana Martins
Ave Sem Asas

teca disse...

Imagem maravilhosa... linda! linda!

Beijos.

Tere disse...

para falar lindas coisas,não precisa grandes textos.amei,tere.me visite,tere-terepoesias.blogspot.com.ficarei feliz.

Cria disse...

Parabéns pelo brilhantismo da postagem ! Beijos.

Ailime disse...

Amigo,
Muito belo este poema!
Por vezes a nossa alma necessita espraiar-se para além do horizonte.
Beijinho.
Ailime

Graça Pires disse...

São os olhos do poeta... Viam mesmo que lá não estivesse a vidraça...
Um beijo, amigo.

mundo azul disse...

__________________________________

...poucas palavras e a mesma beleza de sempre!


Muita luz, poeta...

___________________________________

claudete disse...

A janela...A vidraça...Abertura aparentemente interrompida ...Mas que se amplia na observação da natureza com intensidade.Beijos no coração.

Fátima disse...

Você disse tanto em tão pouco, a ponto de emocionar.
Lindo, lindo!

Beijos, te admiro já te falei?..rs